sábado, 19 de janeiro de 2013

Pensamentando ... O alcance de uma clara visão ...


Photo:Steve Zigler Navajo.


Estive espreitando,através do "buraco" ... e 

há um caminho a percorrer ... e há um homem 

solitário,parecendo estar perdido em 

pensamentos ...

Penso que não há uma identidade ... mas uma 

clara visão.

Vezes somos incógnitos, na nossa janela pro 

Mundo,uma clara visão.

E há caminhos a nos levar a.

(Vezes tão claros.)

Cabe-nos o refletir e escolhas ... tarefas 

úteis,sábias.

Temos olhos míopes?

Fechados?

Incrédulos?

Através do buraco,visões claras ou ilusões de 

ótica?

Dúvidas existenciais.

Somente as define,quem ultrapassa e busca 

outras praças.

(Bem isso.)

Estou sentada, também refletindo ... olho 

insistente, tentando achar meu caminho... mas 

não posso antever.

Preciso ainda do olhar alheio,investigativo,da 

minha matéria-frágil.

Para depois delinear ... cada espaço que me 

caberá... e, assim poder caminhar.

Há tempos na vida ... no momento, estou no 

banco de esperas.


Tata Junq


Enviar um comentário