sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Do Projeto,AJUDA: AMOR DE MIM A MIM.


                                                 ( Há uma referência,lado esquerdo / autoria de imagem.)
 AMOR DE MIM A MIM
( Necessário.)
(Conselho,apenas.)
( Menos dor.)

**********************************
No ar,
o pó.
No mar,
o lixo.
No rio,
a lama.
O jardim,
sem nenhuma flor.
A Alma,branda otimiza qualquer visão.
A tumultuada,faz da natureza,caos.
Assim a depressão.
A alma se encolhe,temerosa,angustiada,insatisfeita.
O bonito,o perfeito,o atingível como ideal ...somem.
Alma precisa da calma.
Atingir a calma é trabalhar o psíquico.
A busca do eu,o profundo,lá no fundo,não é uma tarefa fácil.Mas também,não é impossível.
Primeiro,é reconhecer o domínio da insatisfação e o aprisionamento que exerce.
Se "caminhar sozinho" é difícil,reconheça que precisa de ajuda.
Busque.
Há maneiras para,e pessoas especializadas.
Reconheça e assuma.
E,passe,passo a passo,a conhecer suas dificuldades,e o livramento de cada uma,acontecerá.
E,à sua volta,poderá reconhecer com o olhar físico,todas as belezas,desde as mais simples.
O olhar-da-alma,será sereno, e o belo,reconhecerá.

Tata  Junq
Enviar um comentário