segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Ideiando a Idéia.

                                            ( Imagem...vide assinatura,lado direito.)



Ideiando a idéia.

Ouso pensar no caminho que me levará ao riachinho.
Sentar-me-ei à margem de qualquer sonho,fisgarei fiapos coloridos,
nas entranhas dos sapos e rãs ... e cantarei melodias de Yara e espiarei quem me espia,no seio das árvores.
E sentirei o entardecer,sem um medinho qualquer do escuro que virá.
Bordarei as estrelas,tocarei a Lua,com dedos compridos ... e, chegando ao fundo de mim,qual poço profundo,respirarei,amor.
E pacificada,esperarei o amanhecer despertar-me em pássaros,com pássaros,criando asas.
E então,só então,rumarei,nova estrada ... cheia de mim,plena de mim.
Continuarei a jornada.
Tata Junq
Enviar um comentário