domingo, 3 de maio de 2015

Meu pincel.



(Imagem retirada do Google)

Se pudesse pintar voos,eu traçaria o céu,lucidamente azul.
Fecharia os olhos,sentindo o vento,e pintaria todos meus tormentos.
Depois dos traçados inquietos,vermelhos de dor ....mudaria toda a cor.
A base do branco,coloriria sem muitos berros,flores e borboletas,
numa leveza de efemeridade.
Sonharia rosa.
Beberia azul.
Suaria mãos em tintas,assim em desalinhos.
Escondendo a idéia do meigo olhar,
que teimo
em lhe ofertar.

Tata Junq

Enviar um comentário