segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Um dia triste. DESPEDIDA.


Despedida

Um dia,quem sabe ... 
Ontem,hoje ... sei que tristes.
Mais um amigo,partiu desse Planetinha.
E vou me lembrar de cada encontro.
Ainda vou conseguir sorrir ao relembrar dele.
Mas hoje é doído.
Se há caminhos suaves,que ele chegue na paz,já liberto de seus sofrimentos.
Chegar onde,não sei.
Sei do agora,onde estamos.
E,sei do vazio que fica.
Tomara,seu lindo,que haja festa na sua chegada,
e que cante,como bem o fazia.
Urias,meu querido,acendi aqui uma lanterna,luz de preces,para iluminar,
seu caminho,sua chegada.
Por hora,mais nada.
Tata Junq
Enviar um comentário