quarta-feira, 13 de julho de 2011

Poetando & Desestruturando & Pensamentando :Reconstruindo a construção.



Hoje abuso da poesia,
e creio.

Crio : Brio,
maiúsculo.
No doce olhar que envio,
a ti, doce criança.

Que segurei no colo,
e ganhei poesia de
recíproco olhar.

E vi
amor doce,
simples,
livre,
belo,
despretencioso,
harmônico.

E senti a leveza,
do querer
estar
num abraço.

E senti na simplicidade,
calmaria,
doação espontânea,
que só uma criança
possue,
ainda.

E meus olhos sorriram
pra minh'alma,
num
aviso:
nem tudo está perdido.

***
Haverá um dia, em que as criaturas em bondade se entrelaçarão, sem mentiras, sem maldades, sem escárnios, sem abusos, mesquinharias, orgulhos, vaidades,com dignidades.
E sorrisos irmanados irradiarão a Luz da fraternidade, num uníssino promissor e construtivo.
E não haverá dor.
Haverá AMOR, essência da bondade.
Assim há de ser a promessa cumprida : o PLANETA TERRA, passará por transformação ... e os humanóides, seletos , farão um NOVO TEMPO, no crescimento evolutivo.

Você crê???

Eu creio que crio expectativas ... diante do abraço e beijo que hoje , espontâneamente, recebi de uma criança, que jamais havia me visto antes.
Tenho que crer que é possível , o AMOR-BONDOSO, ecoar de volta ao UNIVERSO!!!!

Tata Junq
Enviar um comentário