quarta-feira, 15 de junho de 2011

Pensamentando: PAPO-CABEÇA, SEM CABEÇA!!! KKKK




Serenai, coração ... com todo apelo da razão,ainda há emoção-dividida ... é o fluir da vida ...
Quem se atreve a dizer que o racional domina o emocional, de forma absoluta? Ou é o contrário?Ou, n.d.a?
Assinale a alternativa correta!!!!
Acredito que não sejamos máquinas programadas ...
Ahhhh ...e quer saber? Adoro ser emocional!!!!
E não estou preocupada com números estatísticos ... e quantos por cento das quantas ... rssss ... mas já sendo ... rsrsss ...
Ao nascer, chorei ... se de choque com a vida, não sei ...
50% emocional?
Protesto e medo?
50% racionalizando o fato, que deveria permanecer no protecionismo do útero materno?
Inteligentemente somos capazes de ponderações e buscas de equilíbrios. Nem a mais, nem a menos.
Somos,sim.
Pousamos de bestas e vamos pra analistas ...(deixa minha terapeuta saber disso ...kkkk)
Mas o que é a vida?
Sem filósofos!
Sem teólogos!
Sem monólogos!
Vida é fluir ... e cabe a cada ser "vivente" e não,  "morrente" ...rssss ...
E hoje, eu estou mais para espirituosa, que espiritualista ...rsrssss ...
A vida é o teu tempo, o meu tempo ... um até quando.
Estou tendo um "tempo-de-garantias"... rsssss ... quando vence, não sei ...
Mas quero sentí-la, doce ou fel ... sem paradoxismos- racionais-existenciais.
Quero abraçar todos os sentidos, permitir-me ser emoção, dividir emoção, dividir "coração" ... assim mesmoooo ...tão sem razão!!!
Quem pega rabeira neste "rabo de foguete"???
É subir aos céus ... e,ou pousar, no inferno! Sem meios-termos!
Arriscar ou largar!
Hahahahaaaa ...
TRESLOUQUIAR!!!!
Acho que "veice" tem disso ...garotice, também...meninice, também ...rsss ...e pós "infartite", também...
Quero estar de bem com a vida, que ainda me cabe.
Estou ainda sorrindo pra morte, mostrando-lhe a língua!!!
Tipo: vá te catar!!!!!
Bom gargalhar na emoção de ser ,ainda, mortal ... e ser , ser-vivente, ainda.
Num "morrendes" antes da hora , não, vá?!
Só na hora exata, que te couber.
Como diz a canção ..."há tanta vida lá fora ...e aqui dentro ... agora,como uma onda no mar ...como uma onda no mar ...nada do que foi será, de novo, do jeito que já foi um dia ... "
Quando vejo,que estou prestes a escorregar em desistências ...vem à minha mente, esta canção.
Há vida lá fora!
Há vida aqui "dentro", abrangente, emocional ou racional, ou ...os dois valores em equilíbrios ou desiquilíbrios ... mas
há!
VIDA NÃO PODE SER DORMENTE!!!!
DOR! MENTE!
MENTE QUE MENTE, DORMENTE, EM DESISTÊNCIAS,VAI SE TORNAR, "MORRENTE"!!!!
E, óiiii...isso é racional!!!!! rsrssss ...

Tata Junq
Enviar um comentário