quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Então ...





Há um oásis, no peito hostil e desértico.
Em cântaros colhidos,água.
Ventos prudentes.
Meu momento.

Tata Junq
Enviar um comentário