quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Uma crônica,no mínimo,esquisita. ( Do Projeto,Uma Alma Masculina.)

Hgt744boS7vb5tlGmeh7HZnr0mXeZrIQHHD66XPa

Gota a gota,desenhava,seu corpo nu.
Sua saída do banho,sua cara dissimulada,perfeitamente ...
Corpo perfeito.
Deus Apolo.
Não consigo,sequer,verter,lacrimejar,em despedida.
Bati a porta,com vontade... Decisão tomada.
Não hei de me arrepender,nunca!
Basta!
Saio,como bala perdida de revolver disparado,por que corro?Quando na vontade, quero
matar você....
Mas haverá quem faça um dia,esta louca vontade.
Se cruel,não me importo mais.
Peco por querer sua desgraça.
Sim,isso mesmo ...
Morra!
Morra!
Morra!
Moooorraaaaa!!!!!
Qual barata esmagada ...
Melhor,rato do esgoto...caçado por bom gato.
Odeio você!
Odeio você!
...

- Adélia?
- Adélia?
Um homem a chama,semi vestido.
...

Ela sequer olhou pra trás,passos rápidos,cruzou a Avenida Boulevard.
Sua voz ecoa em meus ouvidos ainda ...
- Odeio você!
Assim,aquela mulher com ar enlouquecido,bela,passou por mim,feito furacão.
Num lance,pessoas que jamais havia visto em minha vida.
Mundo doido,esse mesmo ...
Olho pra trás ...o homem já não mais está na porta da casa.
Reparo na casa,uma energia pesada paira no ar,tornando- a feia,em abandono.
Em minutos,imaginei o monólogo dela.
Vida de escritor,é bem isso.
Transfiro agora,nesta crônica,invertida,que intitulo,Uma despedida.
Ou, Um Abandono?
Ou, Um Rompimento?
Um fato e uma dedução?
Uma dedução.
Assim,minha vida errante,buscando uma fonte jornalística:
fatos,realidades,comprovações.
(Nada próximo,a essa experiência.)
Hoje,fiz um ensaio de escritor,numa invencionice,esquisita.
Será assim,daqui por diante?
Continuo com a sensação de uma mentira abusiva ...
Hahahahahaaaaa....!!!!

(Victor Brenda)

Por,Tata Junq.
Enviar um comentário