segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Serenidade que basta.

( Desconheço autoria da foto)

SERENIDADE

Num
ajuste
perfeito,
abraço.
Sincronicamente,
veias.
 Entre
cores,
as peles,
as
almas.
Terra
ou
Céu.
SEM CONTRASTES.
Um você,
um eu.
Aconchego.

Tata Junq

Enviar um comentário