sexta-feira, 27 de março de 2015

Natureza...

                      (A imagem,tem referências.)



Natureza

Tão gritante,e vezes muda.

Na secura,ensina-nos.
Na vida plena,ensina-nos.
Na sugestão,acende-nos em interrogações,
qual fogo incendiário.
Curvamo-nos,mesmo que não queiramos,diante do enigmático-sugestivo.
Vida,que garante vidas.
O pássaro,sugere alegria garantida,protegido.
Asas-de-liberdade!
Abraço com olhar agradecido,a idosa árvore.
Canto qual pássaro,a alegria de viver,ainda.
E,choro pelas mortes de muitas delas,que desmedidamente,são abatidas.
Lamento.
Lamento pelas irresponsabilidades, do chamado "progresso".



( Um vídeo,procurado por mim ...no Youtube ... parece ser um monologar,do pássaro,mas depois ouve-se respostas de Bem-te-vis ...

( Um belo registro,que tem "dono"...segue junto ao vídeo,referências de quem o realizou.)
Quantas espécies desconhecemos,neste "Mundão"?!
Quantas vidas?!
E a Natureza segue seu percurso ...
A humanidade segue seu percurso ...
Agraciados,somos.
E,mal agradecidos,inclusive.
Vezes tão dispersos ...como se tudo que nos rodeia,tenha obrigatoriedades
para conosco.
Desapegados ...somos.
E, tão motivados,na modernidade,a esquecermos de valores,importâncias,do sobreviver,e das sequelas por falta de cuidados com a Natureza que nos rodeia e abriga.
Num até quando,que desconheço.)

TATA jUNQ
Enviar um comentário