terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Poetando & Fotografando: A,MAR.




                     (By Tata Junq / Bertioga.)

Amar,
é mar,
na imensidão,
espelhando o infinito.
Talvez não haja,
algo
de mais
bonito.
Nem mais,
nem menos,
profundo.

Despressurizada,

escafandro
de mim,
subo à superfície.

E,

 sereia,
 canto,
todo
e
qualquer 
desencanto,
ritmo,
solidão.
Não há barcos,
pescadores,
conchas...

Ondulações,

e
sob
olhar
de 
Netuno,
mergulho
no
profundo.

Amar

é
espelho,
dentro
ou
fora
do
MAR.

A,MAR!


Tata Junq
Enviar um comentário