quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Pensamentando: Olhando por cima do muro ...

                          ( Imagem retirada do Google.)

Olhei o muro,mas não contente com isso,coloquei uma escada e espiei lá fora.
Grata revelação.
Nada!
E, o nada,que se vê,vezes é tudo.
Contraditório?
Bem ... explico.
O nada,é o resultado de nossas expectativas frustradas.
Simples assim , é melhor rotular.
E, o tudo, que poderia ser enfático,nem é capaz de ofuscar o nada.
Detalhe,queremos porque queremos alcançar sempre as glórias,positividades,possibilidades de preenchimentos de nosso ego.
E a VIDA, não é bem isso não. Reserva-nos um espaço, nós os gerenciamos e, vezes,mal. Se bem,tudo nos conformes? Vezes também não.
Ser humano é bem assim-assim, cheio de manhas,de quereres,de poderes,faz parte no entanto.Ou,é omisso,ou covarde,ou atrevido,ou acomodado ...
Mas quer que quer,resultados positivos.
E os lamuriosos,então?
Fazer das lamúrias um hábito ... vixiiiiiiiiiiiiiiiii ...é lastimoso.
Fazer ponte com alegrias,simuladas pra "Inglês ver",vixiiiiiiiiiiiiiiiii ... é o "Ó,do borogodó"!
Passei meu olhar pelo muro,com mais atenção,depois da reflexão.
Há Sol,morninho ... vento sutil que balança as flores da Primavera,no jardim de
minha vizinha.
Há jovens num vão e vem.
(Porque há uma escola pública em minha rua,no segundo quarteirão.)
Penso novamente ... possuem TUDO nas mãos,estudando driblando as ignorâncias,potencializando-se em intelecto.
Ignorâncias,combinam com desejos de saber, revelam que o NADA, pode vir a ser TUDO.
Ignorância só é um bem,quando fomenta o desejo do saber,mais um pouco.
( Porque ignorantes,seremos, sempre! Ninguém é detentor de toda a sabedoria.)
Oxiiiiiiiiiiii ...na minha "santa ignorância",aprendo num olhar,além do muro (simbólico),porque espiei mesmo, de minha janela da sala- de- estar,que é de se estar e ser ... rsrs
E em meios a gemidinhos e roncos de nossa gata ...a vida vaiiiiiiiiiiiiii...!!!
Ou, nós vamos?
Vaaaaaaaaaaaaaaaamos!!!!!

Tata Junq
Enviar um comentário