segunda-feira, 2 de junho de 2014

Em profundo desalinho,navego...


Em tempo,
tempo!
Águas,
revertidas
das
areias,
ampulheta,
reinventada.
No oceano formado,
navego,
em 
  profundo desalinho,            
pra meu espaço
 encantado: 
Mente.
  Tata Junq

Enviar um comentário