quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Poetando: Canto...


Canto,
encanto-te,
qual
sereia,
faminta
em
te
ter,
assim,
p
r
o
f
u
n
d
a
m
e
n
t
e
mar.

Tata Junq


Enviar um comentário