segunda-feira, 27 de maio de 2013

Do Projeto Palavras ao Vento: Bambu.




No tempo de misérias e caos, sou bambu, que enverga ao longo da estrada,fino,parecendo não ser substância.
Descendo até o chão ... aprendendo, que o envergar faz parte.
Mesmo tendo partes ocas-internas, ainda possuo folhas 
esparsas-verdejantes, num até quando, não determinado.
Lambi o chão!
E em arco,retomei espaço.

Tata Junq
Enviar um comentário