domingo, 18 de março de 2012

Do PROJETO, ALMA FEMININA : Serei Oásis!







Fui Chuva, Sol, Estrelas, Oásis, Flores ... e, substancialmente, palavras, circundando sua vida.
Meus pensamentos, cobriam-lhe, num amor infinito ...
O seu Silêncio podou minhas raízes ... a Ausência, decretou-me o calabouço, profundo ... e a Dor, matou alegrias e sonhos tão reservados e especiais.
Hoje, sou Fonte contínua ... águas que vertem ... e não saciam sua sede ... 
Agora dimensiono-me, sou Mulher, na saudade. 
A Mulher, que um dia tentou  entender um tempo-destino-malfadado.
Remexo no baú ... e nos guardados, nada faz sentido ... nada faz sentido ...
E, qual cigana encantada, armo a fogueira, queimo imagens e cartas ... e danço,danço,danço ... gemo, choro, canto a dor ...  e, sereno.
Aos poucos, pacificação.
Quebra do Encanto!
Piso o chão em cadências ... na Estrada-da-vida, seguirei, liberta de você!   
Olho pra trás, sorrio pras cinzas que descortinam-se... e voam ao léu.
Terei com toda certeza um sono tranquilo ... e acordarei e estarei pronta pro trabalho.
 Não reclamarei do trânsito ... sorrirei pros vizinhos e pra um novo dia.
E, nas trocas das marchas, ritmarei meu coração, ao som de cada canção.
E, serei outra vez, Chuva, Sol, Estrelas, Flores, Palavras ... e Oásis para saciar minha sede-de-viver!  
Boa noite, Vida!   
Amanhã ...   

    ( Uma Alma Feminina)   

Tata Junq


Enviar um comentário