domingo, 11 de setembro de 2011

Pensamentando ... ACEITO-ME ...assim-assim????



Brilho de uma estrela, longínqua ... no céu ... e, eu a vi de meu quintal, minúsculo , não que a buscasse ... Recolhia algumas roupas no varal ... e ao levantar cabeça ... vi -a ao acaso.
Parei por segundos ... mas meus pensamentos fizeram giros de 160 graus ...
Como distraidamente, deixei de olhar o céu ?
(Quando sempre faço vistorias ...)
Desconheci aquele parcial momento ...  eu estava mecanicamente-absorta numa tarefa ...
"Ora direis ouvir estrelas ...
perdeste o senso?"
( E, recordei-me dos versos poéticos ...)
Perdi o "senso" em não a ver?
Reticente agora estou ... 
Sei que jamais perderei essência poética, olhar-doce aos encantos de um céu, recheado ou não de estrelas...
Mas ... por instantes, nada vi , além das roupas de um varal.
E faço um balanço agora,comportamental...
Quantas vezes distraí-me, mediante tantos afazeres, procurando dar conta deles, e deixando de lado um "Tempo-destinado-a-Encantos", que energizariam minha vida ?!
Pois é ... mecanicamente, quis dar conta de completar uma tarefa, na pressa que me é peculiar, mesmo ainda estando "molóide" por conta de falta de saúde.
Continuo errando!!!
Que babaca!
Que sem senso!
Priorizar-me, deveria.
Pensar e agir para meu restabelecimento, deveria.
No entanto, continuei no velho rítmo, achando-me suficiente e teimosamente, capaz.
Errei!
Erro!
Hoje, uma estrela distante, ditou-me um erro grave, mais um.
Preciso aprender a administrar meu tempo, de forma salutar ... e também delegar a outrem, afazeres ... Não posso querer continuar a "abraçar" o Mundo ... tenho de admitir minhas limitações ...
Não digo que sou uma eterna aprendiz ?
Aiaiaiaiiiiiii ...viu?!
(rsrssss ...)
Tata, há de "ter jeito"!!!!
(kkkkkkkkkkkkkk ....)
" EU CREIO !!!!"

*Tata, a Junq que teima em viver, mesmo contraditória!*
Enviar um comentário