segunda-feira, 7 de março de 2011

Poetando:Riminhas de boca grande.



Ritmado
coração
de
papelão,
do
João-de-aço!

Desmanchou,
nas
águas,
de
meu
abraço!

Tata Junq
Enviar um comentário