sexta-feira, 5 de março de 2010

Poetando: Rssss ... O óbvio!


Do amor,
fiz
sementes,
em
cova
improducente.
Não vingou,
morreu
bem
antes,
sem
cuidados.


Êta,
sonho,
mal programado!

Tata Junq
Enviar um comentário