segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Poetar, sempre!




Momentos.




Saudade
que
invade...
envolve,
enrola,
cobre,
deita-me
na
fonte que restou,
espera.


Tata Junq
Enviar um comentário