domingo, 31 de janeiro de 2010

MOMENTOS: Meu registro fotográfico & Pensamentar.



Um amanhecer em Sampa!


Tão cedinho, buscando caminho de novidades, viagem à linda Parati.


Boas lembranças!


...


Hoje,dia 1, fevereiro, 3:04h ( logo amanhecerá ... ainda está escuro ) ... posso ver a rua, daqui de minha janela ... e ela está deserta.


Certamente não haverá um nascer de Sol exposto.Chove quase todo o tempo ... e começo a repensar ... Digo sempre que prefiro a chuva ,ao Sol , apenas aprovo o nascer e o seu pôr, pela beleza do espetáculo, imperdível! ... rssss ...


Mas tenho de "dar braços a torcer" ... rsss ... o Sol tem de aparecer, tem de aquecer vidas tão desesperadas, secar trilhas, ruas, casas ...


Eu que sonhava com pôres-do-Sol, sonho com o amanhecer dele ... no sentido latente da palavra, literal.


Mas sonho, ainda , com o delinear da palavra poética, metafórica, abrangente : aquece-me, Sol!


Aquece minh'alma! Brilhe meu corpo, brilhe meu olhar, brilhe meus sonhos!






O Sol poente,


ficou no registro


d'alma.


O Sol nascente,


ficará


grafado


no


consciente,


esperançoso


de


Luz:


alma-renovada,


retocada,


afinada


no


compasso,


da


espera,


do


novo.






Tata Junq
Enviar um comentário