quinta-feira, 30 de julho de 2009

Momentos: Resisto.




Resisto:
à dor,
à falta de amor,
às indiferenças,
ao desamor,
às mágoas,
às lágrimas,
aos lamentos,
às intempéries da vida.
Resisto, porque me fiz forte.
Mas não sei se resisto,sem a sua presença.
Sei apenas,
que permaneço,
entre a tristeza e a convicção
de meu amor.


Tata Junq
Enviar um comentário