sexta-feira, 29 de maio de 2009

Momentos



Entre
Céu
e
Trevas
Planto
ignorâncias,
dissabores, amores, vãos!
Nada de
colheita.
Mesmo assim
o céu é
intensamente
azul.
E a treva,
continua
breu às minhas
ignorâncias.
Nada sei!
Nada pude!
Nada sou,
diante
da
Luz.

Tata Junq
Enviar um comentário