quinta-feira, 28 de maio de 2009

Poetando.


Estanque o sangue da paixão!
Quero amor!
Quero pulsar frenético do coração.
Sangue bombeando,
bombeado,
alimentado.
E,condutor,
conduzido.
E, somado
e dividido.
E, sonhado
e vivido.
E, sempre
e pra sempre somado,
acumulado,
transbordando...
em lindas emoções.
Fortes emoções!
Fortes devaneios!
Fortes!
Fortes!
Fortes!
Anseios?!
Pulsa, coração!
Pulsam emoções!
Fim de solidão?
Apelo dos sins,
desapegos dos nãos!


Tata Junq
Enviar um comentário