terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Nesta manhã ...

Estou fraca fisicamente ... lenta, com dores ... mas teimosamente encaro a vida ...
Agora, tão assumida pra vida, tentando a liberdade de ir e vir, de sonhar, de amar ... parece que esta vida teima em me prender ... Estou aqui enferma, sem o direito de transitar. É, a vida quer me fazer parar ... de percorrer meu caminho. Mas não me dou por vencida ... entre suores e dores, quero acreditar poder ser dona de meu destino. E sou. Cansarei de repetir isto a mim mesma, num lembrete de sobrevivência.


"LÍNGUAS,CARETAS AO PASSADO!!! SORRISOS PRO PRESENTE!!!!"


SOU E SEREI DONA DE MEU DESTINO
Quero ser feliz, quero saúde, quero e teimo em viver!!!


Tata Junq
Enviar um comentário