terça-feira, 6 de janeiro de 2009

ATENÇÃO !!!!

PRINCIPAIS MANIFESTAÇÕES CLÍNICAS DO ALCOOLISMO

Sistema nervoso central e periférico: Transtornos da memória (síndrome de Wernicke-Korsakoff e demência alcoólica), atrofia cortical e subcortical, especialmente do lobo frontal e cerebelo, sonolência excessiva, neuropatia periférica, depressão, ansiedade, delírios, alucinações, euforia e comportamento desajustado.

Sistema gastrintestinal: a cirrose hepática é uma das doenças mais comuns provocadas pelo alcoolismo. Esofagite, gastrite, hemorragia digestiva, enjôo, vômitos, perda de peso, varizes esofagianas, pancreatite aguda e crônica.

Sistema cardiovascular: arritmias cardíacas, trombo embolia, acidente vascular cerebral.

Sistema endocrinológico: infertilidade, feminilização do homem, ginecomastia, hipo ou hipertireoidismo, secreção inapropriada de hormônio antidiurético, aumento da secreção de gastrina com aumento da acidez gástrica.

Câncer: Os alcoólatras têm dez vezes mais chances de desenvolver qualquer tipo de câncer que a população normal.
Filhos de mães alcoólatras: síndrome alcoólico-fetal, síndrome de abstinência fetal.

Desnutrição: O álcool apesar de altamente calórico não é armazenável, portanto, não existe necessidade do alcoólatra de se alimentar, com conseqüente queda da ingestão de proteína, açucares, gorduras, vitaminas e minerais.
Enviar um comentário