sábado, 17 de maio de 2008

A estrada. Momentos Reflexivos.




As vias, rodovias ... hoje tão perigosas, ainda. Quero me lembrar do caminho de Paraibuna. Que lindas paisagens! Emolduradas ainda em lembranças... quantos cansaços absorvidos ali, através do olhar.
Quero lembrar do caminho belo, que conheci com meu pai. Atravessávamos um rio, de águas cristalinas e chegávamos à uma praia deserta... Maravilhas! Maravilhas proporcionadas!
Mas o principal caminho, foi quando na encruzilhada da vida, busquei a ti, meu pai ... e te resgatei em tempo certo, no limite certo. Foi um tempo de resgate de dívidas e acertos, de emoções e amor trocado.
Feliz caminho, feliz dia, feliz estrada !
Beijo, pai ! Hoje espreito uma possível nova estrada, que me leve até você.


Tata Junq
Enviar um comentário