terça-feira, 30 de dezembro de 2008

O último dia do ano de 2008.

Fui tomada de cólera a poucos minutos... sou humana.
Olha aí, eu dando desculpas a mim mesma ...
Lição do último dia, nossa tranquilidade merece respeito... e eu, um ser idiota, burlei o que deveria ser lei.
No entanto, redimo-me diante dos fatos, dos atos ...
Procurarei a cada ato, serenidade.
Entre tantas promessas a mim mesma ...essa quero levar pro Novo Ano, como um desafio.
Viver é um desafio.
Evoluir é um desafio!
Amar, não ... é contemplação, doação, perdão ...uma linha horizontal sem tangências ...sem quebras. É pra sempre.
Quero acreditar que posso amar meu semelhante, mesmo tangido de defeitos ... e quero amá-lo.
Hoje quero deixar um texto de M. Quoist ... que seja novamente a minha oração diária. Hoje eu a resgatei, das andanças que faço na Internet.
E é somente isso que agora quero fazer: exorcizar minh'alma.


«Obrigado, Senhor» ( Michel Quoist ) //// Obrigado, Senhor, pelos meus braços perfeitos, quando há tantos mutilados... Pelos meus olhos perfeitos, quando há tantos sem luz... Pela minha voz que canta, quando tantas emudeceram... Pelas minhas mãos que trabalham, quando tantas mendigam... É maravilhoso, Senhor, ter um lar para voltar, quando há tanta gente que não tem para onde ir... É maravilhoso, Senhor, amar, sorrir, sonhar, quando há tantos que choram, que se odeiam, que se revolvem em pesadelos, e que morrem antes de nascer... E sobretudo, é maravilhoso, Senhor, ter tão pouco a pedir e tanto para agradecer...


Agradeço a Deus a oportunidade de vida!
Viver é uma dádiva!
Eu quero viver e ser um ser em evolução .... e, a partir de agora, exatamente 4:24 , neste amanhecer, ainda sem Sol.
O meu propósito diário : serenidade e muito amor a destribuir.
Como costumo dizer, amar e amar, sempre!
Amemos, amar!
Respiro fundo, e busco a paz que necessito.
Serenamente, começarei este dia e, assim será, mesmo tendo de enfrentar este dia difícil.
Somente Deus, sabe os porquês.
Desejo ao Mundo, a td ser ... um FELIZ E ABENÇOADO ANO NOVO!
MUITA LUZ, MUITA BONDADE, MUITO AMOR!!!!


Tata Junq

domingo, 28 de dezembro de 2008

Hora de parada necessária.

Final de 2008!


Um ano de expectativas ...como tantos outros, mas decisivo pra minha virada de vida.
Virada de páginas ... somente atitudes.
Não me arrependo de cada uma, voltei a ser aquela pessoa independente ... senhora de meus passos ... e isso não tem preço.
Aliás, a liberdade , não tem preço! Agora falta tão pouco pra que se concretize, tão pouco ... e o 2009 será um recomeço ...voltar a ser feliz! Ser feliz, liberta!!!!
Sei, porém , que a luta continuará ... mas sou firme, forte ... e vencerei cada etapa a ser ultrapassada.Tenho agora toda uma vivência, para saber tomar rumos com mais cautela, marcando cada passo em terreno sólido .
Ahhhhhh ... como é bom respirar novos ares, novos rumos ...
Sei que respirarei alegria, porque existe em mim, a certeza que quero ser feliz!
Então serei!!!!
O ano de 2009 já prometeeeeee!!!!

Tata Junq

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Em resposta aum amigo virtual, Salvador.

Como observação,recebi um vídeo, comovente, da Celine Dion.
Segue a resposta a ele ...e por quê, não ao Mundoooo?!! Sem ser pretenciosa, no entanto.
Segue a resposta:

*** Vendo este vídeo, quero acreditar num Mundo melhor ... e na capacidade das pessoas gerando amor o tempo integral, não apenas num tempo determinado, como o do finalizar de cada ano ... num Natal capaz de um "acordar"da humanidade ... e que a cada ano renove-se a esperança de dias melhorados ...que não haja desigualdades, fome, misérias de alma, preconceitos, guerras, mortes estúpidas, egoísmos, líderes inconsequentes ...
Utopia? Talvez.
Happy New Year ao Mundo!
Feliz Ano Novo a você,amigo!

É isso, serve como explicação ao desabafo, o da postagem anterior a essa, também.
Tata Junq

A boca fala!



A boca fala. Tudo sem processar? Claro que não? Ou, claro que sim?
O pensamento flui ... a boca vomita verdades? Mentiras? Pouco volume, muito?
Cabe a cada um a precisão!
Hoje quero vomitar explosão!
Sociedade Hipócrita! Pára somente em Dezembro para confraternizar a cristandade, o amor. Pena que dá ...
PE-NA que dá !
Pena.
Pena.
Pena.
O que vale a pena?
Tata Junq

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Quero colo ...



A saudade dói fundo ...t ão profundamente, que me perco em mim.
E a alma chora ...
Saudade de todos os tempos de outrora ... todo e qualquer tempo, que me remete a você, minha mãe.
Hoje bateu mais forte essa tristeza ... sinto sua falta. Queria seu colo ...sentí-la bem pertinho, escutar o seu chamado ... Tata?!!
Queria a chance de cobrir-lhe de beijos, aquelas beijocas que sempre lhe dei ...
Continuo beijoqueira, viu? E, eternamente apaixonada pela vida, pelas chances que ela nos proporciona.
Agradeço a chance de sair do teu ventre!
Agradeço todos os ensinamentos!
Agradeço seu amor!
Agradeço o nosso tempo terreno...
Saudade! Saudade! Saudade!
Amor! Amor! Amor!


Tata Junq

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Antes que aconteça ...

Antes do amanhecer...
Depois do anoitecer...
o tempo ecoa
lento,
lento ... l-e-n-t-o ...
No breve espaço,
resgato você.
E ... o Sol
acontece!
E ... a Lua
resplandece!
Antes,
depois,
não importa ...
Sorrio feliz,
tenho você!


Tata Junq

Até então ...



Renasce
a esperança.
Chama acesa,
antes escondida.
Renasce
o sonho,
antes adormecido.
Renasce
a visão,
tão cega.
Renasce
a capacidade de absorver
a essência,
o belo,
o inatingível,
até então.
Desde sempre,
pra sempre,
o amor.
Caminho,
não mais cega.
A chama arde.
Hoje, quero
amar.
Amanhã, talvez ,
novamente adormeça.

domingo, 14 de dezembro de 2008

Somente palavras de um poeta fantástico: Carlos Drummond de Andrade.

O tempo passa?
Não passa.


O tempo passa?
Não passa
no abismo do coração.
Lá dentro, perdura a graça do amor,
florindo em canção.


O tempo nos aproxima cada vez mais,
nos reduza um só verso
e uma rima de mãos e olhos, na luz.
Não há tempo consumido
nem tempo a economizar.


O tempo é todo vestido de amor
e tempo de amar.
O meu tempo e o teu, amada,
transcendem qualquer medida


E nosso amor,
que brotou tempo,
não tem idade,
pois só quem ama
escutou
o apelo da eternidade.


***Não preciso dizer, ou melhor, preciso dizer da importância desse poeta em minha vida ... sua sensibilidade criativa é ímpar, fantástica ...e toma conta de nossos corações e bocas ...

Idos e vividos tempos ...

Tocam músicas dos anos 70.
Voltar ao tempo, buscar lembranças? Devo? Posso.
Tudo é permitido, menos sofrer de amor.
2008, quase, quase 2009.
Vida nova, novas músicas, novos sonhos, novas emoções.
Pode tocar à vontade ," Xanadu", um dancing todo especial ... mas é para sonhar um novo sonho, com toda a redundância vocabular ... rsrss ... bailar, sentir ... novas emoções.
Permito-me agora _ o libertar!!!
A calhar, toca : "I'D LOVE YOU TO WANT ME"... adoraria, de verdade.
Tata Junq

"ALGODÃO DOCE" e os moradores de rua assistidos ...



Estar nas ruas é lidar com surpresas diárias. Aliás o ser humano é surpreendente, mesmo nas mais prováveis situações de desconforto e dor.
A cada visita, encontramos seres já conhecidos e outros a conhecer. E todos ou quase todos em seus limites ... e na verdade, pouco ou nada sabemos deles. Conhecimento de detalhes pequenos fornecidos por eles mesmos, quando lhes convém. E no mais, quando estão embriagados, do álcool e da falta de amor.
Dói a falta de amor! Dói ver a dor alheia!
Há os que se postam, indiferentes, alheios a todos ... fixam os olhos na comida oferecida, como se não a visse. Outros, agradecem, agradecem e sorvem rapidamente o conteúdo, outros aguardam acanhados, outros a guardam, outros dividem com seus animais ... Bonito de ver! Há solidariedade entre eles.Troca de calor, literal e sentimental.
Sente-se o frio da noite ... a distância que nos separa. Nossas identidades somam-se por hora, no amor. E, parece tão pouco ... a sensação é de débito ainda ... poderíamos fazer muito mais.
Debaixo dos viadutos, indigentes. Nas esquinas há gente, um,dois, três ... muitos indigentes. Nas ruas há gente, indigentes! E há dor, miséria, descasos, falta de amor, isolamento , solidão ... Há drogas, e uma droga-de-viver, em vão, sem construção.
É verdadeiramente triste. Faz-nos questionar nossas vidas ... os lamentos, tornam-se vãos, minúsculos, egoístas, de fazer também dó!
Somos o que sonhamos? Há muitos perambulantes que nada são, deixaram de sonhar. Apenas vivem .Vivem? Ou vegetam?

Tata Junq

domingo, 7 de dezembro de 2008

Semear ...



Semeio pensamentos ao vento ...
eles voam, voam
e buscam você.

Distante,
distante,
eles chegam ...

Mas não se desnudam,
só chegam aos seus ouvidos ...
Não se verbalizam,
emudecem.

sábado, 29 de novembro de 2008

Palavras suas, hj tão minhas...


CANÇÃO


Pus o meu sonho num navio
E o navio em cima do mar;
depois, abri o mar com as mãos,
para o meu sonho naufragar.


Minhas mãos ainda estão molhadas
do azul das ondas entreabertas,
e a cor que escorre dos meus dedos
colore as áreas desertas.


O vento vem vindo de longe,
a noite se curva de frio;
debaixo da água vai morrendo
meu sonho, dentro de um navio ...


Chorarei quanto for preciso,
para fazer com que o mar cresça,
e o meu navio cheque ao fundo
e o meu sonho desapareça.


Depois, tudo estará perfeito:
praia lisa, ondas ordenadas,
meus olhos secos como pedra
e as minhas duas mãos quebradas.


Cecília Meireles

sábado, 22 de novembro de 2008

Minha alma " veste "suas palavras ...


LUA ADVERSA
Cecília Meireles


"Tenho fases, como a lua
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!


Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.
Fases que vão e que vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.


E roda a melancolia
seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases, como a lua...)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu... "

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

MOMENTOS REFLEXIVOS / PENSAMENTAR



Amo
tudo,
todos ... muito embora, não tenha a exclusividade de ter tido um amor de verdade ... aquele que acalenta a alma, cúmplice, sereno, eterno ...
E, no perdido da alma
ecoa,
a ânsia
do amar e ser amada.
Então ...


Tata Junq

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

A janela.



Abri a janela do quarto. Ela dá pro pequeno quintal, que tem espaço para tantas vidas... arvorezinhas que teimo em manter em pequenas jardineiras, a cachorrinha idosa, o jaboti ....e aos poucos essas vidas, uma a uma, desligam-se de minha vida, por ou sem motivos ...
Abro a janela interna, o quintal é aflito.Tento entender toda e qualquer doença ...mas quando qualquer uma toma conta de um filho seu ... fica difícil divisar "as águas do oceano", que se forma. Imenso, arredio, sombrio.
Quero acreditar num amanhã sem sustos...
Quero acreditar...


Tata Junq

domingo, 2 de novembro de 2008

Sobre o amor ...



Amor
Não deveria doer.

Amor,
não deveria punir.

Amor
não deveria ter enganos.

Amor
deveria, resplandecer, simplesmente.


Tata Junq

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

(Um querer ... ) Pensamentar & Fotografar



Gostaria de sair, andar numa praça verdejante, onde pudesse fazer bater meu coração junto às seivas latentes. Queria abraçar cada árvore, buscar energias necessárias. Pisar na grama umedecida pelo orvalho, descalça e sentir a vibração do solo-vivo , sentir-me viva, não um zumbi.
Queria acordar essa ânsia que ecoa em minh'alma arredia, sem medos.
Queria olhá-lo nos olhos e desabar em sorrisos e amor... tão somente encostar minha cabeça em seu peito, sentir suas mãos estreitando-me, num caloroso abraço, mais nada.

Tata Junq

Apenas sugestivo ...



" Não importa o tempo que levamos para cativar o coração de alguém, o importante é marcarmos o nosso lugar para que mesmo ausentes, façamo-nos presentes" ( autor desconhecido)

Hoje é data especial, niver da netinha Raissa.
Criaturinha cheia de encantos e vontades ...
Deus lhe cubra de bençãos!
Luz no seu caminho,meu tesourinhoooo!!!!

Vovó Tata.

sábado, 4 de outubro de 2008

Envelhecer ...


Envelhecer é uma Arte, nem sempre agradável ou compreendida pela sociedade. E é com pesar que sabemos o quanto é dolorido pra muitos idosos o descaso, a falta de solidariedade e amor.
Uma das maiores queixas é a solidão. Daí, um passo para a depressão e todas as descompensações emocionais e físicas.
Para exemplo, cito o Grupo da Melhor Idade do Jardim Popular. Uma comunidade que investe no amor, na vida. Tenho orgulho de fazer parte dela. Aprendo cuidados para o envelhecer do corpo físico, que não acompanha o espírito jovem, que permanece fiel, com cuidados especiais : canto, ginástica, criações, dança ... E pra quem envelheceu a alma, trata-se para recuperá-la, harmonizá-la. É um trabalho conjunto.
Os dias, as horas, passam com alegrias e atividades. Vivemos, literalmente.
Conheço outras comunidades, que também cuidam dos idosos, com o mesmo propósito de amor. Tão bom seria que a família do idoso se comprometesse com ele, também. Tivesse o olhar atento aos problemas emocionais e físicos de seus pais, avós ... muitos só querem atenção, carinho e, sofrem com a falta de afeto declarado, participativo. E pensar que todos doaram suas vidas, sempre. Partilharam, viveram, criaram seus filhos, muita vez com dificuldades, mas com muita abnegação. Doar, sempre foi pensar no outro, viver por outro, fazer pelo outro. E os pais, na sua medida, nas oportunidades, fazem por seus filhos, sem esperar pelo retorno. Mas a cumplicidade, tem de existir sempre, A atenção se faz necessária. Um telefonema, um beijo, um abraço, um "eu te amo"...tantas atitudes de carinho possíveis ... muita vez disperdiçadas pelo corre-corre diário ... e , lamentavelmente , também pela falta de amor, de alguns.
Bom saber que a sociedade, o governo, hoje têm outro olhar e cuidados para com pessoas que envelhecem. Basta saber dos direitos do idoso "É obrigação do Estado garantir à pessoa idosa a proteção à vida e à saúde, mediante efetivação de políticas que permitam um envelhecimento saudável e em condições de dignidade." (Estatuto do Idoso- cap.I, artº 9º).
O Brasil envelhece!
Não é mais possível mantermos uma imagem negativa, nefasta. A velhice não é feia! Precisa ser tratada, sim!! Precisa de cuidados especiais, sim!!!
Precisa, sobretudo, de amor!!!!!
Tata Junq

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Quem não sente saudades? Poetando: Momentos Reflexivos.



Saudade de seu olhar.
Saudade de ser feliz.
Saudade do seu sorriso.
Saudade do seu afago terno.
Como dói, a saudade!
Saudade de meu pai.
Saudade de minha mãe.
Saudade do tio Jura.
Saudade da tia Sedir.
Saudade de meus avós.
Saudade da saudade,
do tempo que não retorna.
Do tempo que escapou ...
de alguma forma.

Tata Junq

MOMENTOS REFLEXIVOS / PENSAMENTAR.



Toda canção é bela.
Gostosa, igual bife de caçarola.
Tem cor, sabor ...
Cheiro de pensamento.
Visão de dor de amor,
de cor de amor,
de som de amor,
de cheiro de amor,
de tato de amor ...
É lembrança,
é memória seletiva.
Faz bem, faz mal.
É veículo do pensamento,
que percorre a estrada-do-tempo.
E eu viajo, viajo ... feliz
porque resgato amigos ...
(acredito que não tenha inimigos)

Tata Junq

"Bilinguesando o pensamento".



The bird in the space.
Reflexion in my vida.
I'm presa in.
Do you understand me?
Presa, irremediavelmente encarcerada.
Vision da visão, nada
insana.
Please, abrir a janela!

Tata Junq

Pensamentar & Fotografar



No balanço do navio,
cai meu coração noturno.
Com o vai-vem das ondas,
vai meu coração diurno.
Balança o peito, que esconde
meu pranto.
No oceano largo, estreita-se
a vida moribunda.


Tata Junq

Momentos Reflexivos.



Na discórdia
do pensamento
moram as sensações de agora.
Nada agradáveis,
nada pacíficas,
nada amenas.
Assim que sou : irreverentemente, franca.
Incomodo?


Tata Junq

Ato e ... fato.

"Aborrecentemente"

Aborrece-me os pensamentos neutros. Também os capazes.
Aborrece-me as idéias vagas, as não gentis, as coerentes, as incoerentes ...
Aborrece-me o dia de hoje,o de ontem, o de amanhã.
Mal de mau humor, somente.


Tata Junq

Espaço:Pensamentar & Fotografar

Quero crer que posso
suar,
beijar,
sambar,
amar e amar e amar.
Licença.
Espaço na tua vida.
Es-pa-ço!
Pode?
Licença para o romantismo,
mesmo que barato.
Tata Junq

Poetando.


CRER


Creio na crença do querer.
Creio na força do poder.
Creio no perder e no ganhar.
Creio crer,
que certo estou em lhe querer.
Correto?
Creio, crente de afeto.


Tata Junq

Pertinente? Momentos Reflexivos.

Leve leite.
Beba leite.
Ande!
Corra!
Deite!
Rola!
Amestrado ...
Incompetente ...
Dê-se conta,
Vira gente!


Dedicado a quem não pensa ou não procura entender a política do nosso Brasil, que não tem voz própria e opinião e é conduzido cegamente ... que acata promessas, sem averiguar verdades ...




Tata junq

Poetando.



TENTAR


Tente outra vez!
Tente outra vez!
Tente outra vez!
Já não basta?
Basta de tentar.
Outra vez?
Outra?
Vez?
De quê?
Concurso do curso, da vida.
Decida!


Tata Junq

sábado, 2 de agosto de 2008

Coragem ...



Assistindo "Criança Esperança"!!!

No palco, familiares que perderam seus entes queridos...em circunstâncias tão trágicas ... crianças.
Quando falamos de infância, pensamos nos direitos , nos valores sociais ... e mais que tudo, no direito universal da proteção, do crescimento justo, respaldado.
No Brasil há muito o que fazer ... as crianças merecem respeito, amor familiar e da sociedade ... têm direito à uma vida de dignidade, sem privações, sejam elas de qualquer espécie.
Seria utópico pensar em crianças sem sofrimentos, felizes?
Crianças brasileiras ... de todo o Planeta ... merecem o direito à vida, com dignidade.
Muitas estão à mercê da sorte! E... muitas estão mortas!!!
Não importa de que maneira estas vidas foram ceifadas ... estão mortas!
E, vi no rosto destes familiares, ali no palco reunidos ... tanta dor. Era a representatividade da família brasileira, dos casos e descasos, da violência.
Que coragem! Tentar e levantar a bandeira da paz e da justiça ... e prosseguir, dar seguimento à vida familiar e social.
Exemplos de coragem ... e sobretudo, de amor!


Tata Junq

quarta-feira, 30 de julho de 2008

MOMENTOS REFLEXIVOS / PENSAMENTAR



PERDAS


Escolhi o azul ... linda cor ... lembra as hortências da casa de Ada... lindas como ela, que hoje se despediu de todos nós.
Mais uma perda ... e a tristeza bate muito forte. Não sei lidar com a morte, ainda ... mesmo sabendo ser a ordem natural, nascer, viver, morrer ...mesmo porque, foi e continua sendo minha grande amiga. Recebeu-me de braços abertos quando vim para esta minha rua ... a sensação era de uma convivência antiga, a de tê-la reconhecido ... ah! ... coisas que não se explica, sente-se somente. E no decorrer do tempo, maior foi a proximidade... sua filha Edna veio avisar-nos de sua morte ... quanta dor ... a família vem de perda tão recente ...
Nossa rua perde a sua mais antiga moradora, aliás, o nosso bairro ...
Minha amiga, siga em paz!
Meu amor eterno!
Quero agradecer-lhe por todo e qualquer abraço, todos os bejinhos, todo carinho trocado, todo respeito e dedicação de uma nobre amizade.
Saudade doída, essa ... que já me envolve.
Hortências azuis, pra você!!!
E ... todo meu carinho, registra-se aqui.


Tata junq


sábado, 26 de julho de 2008

Perdas ...



Muito complicado conceber perdas ...mais uma amiga se foi.
A manhã de inverno é triste, doída.
Você sempre será minha querida, Katia Regina!
Luz no seu percurso!!!

Tata Junq

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Caira Gabriela



Bela, bela ...Caira Gabriela!!!

Seu niver chegou ... 9 aninhos ...quem diria, passou tudo tão rápido ... do choro ao vir ao mundo ,ao hoje ... quem diria ... tão questionadora, espoleta, graciosa, esperta, amorosa, irriquieta ...Enche-nos o coração a cada dia...
Esta é Caira Gabriela, bela, bela!!!
Hoje , pra tudo rimar, uma homenagem singela ...
Pra quem?
Pra ela!!
Caira Gabriela!!!
Bela, bela, bela,
Bela.

Parabéns!!!
Saúde!!
Felicidades!!
Alegrias, sempre!!!


Vovó Tata Junq

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Mudando completamente de assunto ...rendo homenagem a ...



Rendo homenagem a você, que acorda pra vida agora. Criança que será o jovem, o adulto, o ancião do amanhã! Merecedor de tantos créditos ... amor.
Chôro tocante, comovente da chegada, confortador de tantos corações ...
Feliz , linda chegada!
Porto seguro, os braços de seus pais!


Tata Junq

Dnª Marisa Letícia, Dnª Ruth, ONGS, etc e tal ...

Procede comparações? Uma, intelectual preparada e respeitada por sua vida acadêmica na área da sociologia. A outra, professora e dona de casa.
O que o Brasil cobra? A presentividade e não a representividade... por questão de protocolo, sempre haverá a Primeira Dama. Como sempre, quer-se o fazer, o ser útil ... não falamos de núcleo familiar, há uma Nação que precisa de cuidados. Por que não, organizar projetos, criar-se Ongs (que não passem a ser suspeitas), fazê-los acontecer?
A condicão de primeira dama _ todas, quaisquer que sejam, em que país estejam ... deveriam ser participativas, militantes e agentes do bem-comum, cuidando dos desajustes sociais.
O que vemos nestes tempos? Comparações ...de uma mídia sensacionalista e por que não, partidarizada? Há um jogo político ... as eleições aproximam-se !!!
BRASIL , das" ONGS SUSPEITAS", em qualquer tempo de mandato, cujas investigações darão em nada. Isto é certeza!
Damas, presidentes, ongs ... Brasil, do chavão: "Termina em pizza..."!!!
Sem mais comentários !!! Continuar, é cair no mesmismo.


Tata Junq

quinta-feira, 3 de julho de 2008

"LIbertas quae sera tamem"



De forma geral, a palavra "liberdade significa a condição de um indivíduo não ser submetido ao domínio de outro e, por isso, ter pleno poder sobre si mesmo e sobre seus atos."
( Ref. enciclopédias)
Ingrid Betancourt é resgatada das Farc, após 6 anos de "cárcere".
A liberdade recuperada dessa franco-colombiana será realmente, como dizem, um duro golpe para a guerrilha? Ela enfraquecerá? Já está enfraquecida desde a morte do seu líder?
Guerrilhas, exércitos, ex-reféns, reféns ... vocábulos que soam mal aos nossos ouvidos pacifistas.
Qual a lógica de tudo isto? Um ser foi "sugado" por 6 anos e hoje volta à cena. Possivelmente está com malária, leishmaniose, hepatite B ... dizem. Somente essas seqüelas físicas? As emocionais?
Esse resgate, sabemos ser um trunfo político. Presidente Uribe e Bush, aliados. O lema de Bush é "levar os que violam os direitos humanos à Justiça" ... Uribe por sua vez defendeu negociações de paz com grupos paramilitares de extrema direita. "A decisão do meu governo é de total apôio à justiça para que a Colômbia supere difinitivamente o tempo do terrorismo."
( o Globo)
Deixemos outros motivos possíveis para essa "união"... o que importa agora é a questão mais dramática:- o dano psicológico, causado às vítimas da guerrilha. Acredito, que marcas, profundas, foram geradas pela falta de liberdade, por cárcere estúpido, cruel, vil! E não vamos esquecer que esses seres possuem famílias, que sofreram e sofrem e são igualmente vítimas.
E pensar que o povo Colombiano ainda convive com dois outros grupos, igualmente violentos: o Exército de Libertação Nacional - ELN e o AVC, as Autodefensas Unidas de Colômbia ... Difícil, ein?!
Humm ... "Narcoguerrilheiros" ... Ciência do domínio, na América Latina, do narcotráfico - que sempre foi e será preocupante.
Abre o olho, Brasil! Temos motivos!
Ocorre-me o lema da nossa Inconfidência Mineira, marcante e apropriada ao dia de hoje: "Libertas quae sera tamem". Liberdade, ainda que tardia.

Tata Junq

domingo, 29 de junho de 2008

Cultura Amazonense.



Maravilhas! Folclore brasileiro ... Palco: Parintins! Lindo! Lindo! Lindo! ( que fica a 369 quilômetros a leste de Manaus).
Amazônia faz a festa, é só festa.
O Boi Garantido celebra os povos indígenas. Uma imagem fantástica, o boi, branco.
O espetáculo é-nos apresentado pela TV, ao vivo.
O Garantido colocou "em pauta as tribos que foram extintas, e que compuseram todo o cenário da Amazônia.Vamos pedir a preservação do tipo humano amazônico, que é o índio e o caboclo", disse Amarildo Teixeira.
Caprichosos mostra o "Grito da floresta" ... propõe o surgimento de movimentos sociais que passaram a ajudar o povo da floresta na defesa da Amazônia. "Vamos mostrar os movimentos, muitos deles organizados por caboclos ribeirinhos, camponeses, povos indígenas e por seringueiros", disse Jr Paulain.
Um, propôs a visão das raízes. O outro, uma visão atual. Lindas toadas! É a apresentação da Amazônia, da cultura Amazonense _ numa festa popular, realizada anualmente, no último final de semana de junho.
O Folclore é o conhecimento popular. Através dele podemos conhecer e compreender o povo de uma nação. E a nossa possue uma cultura riquíssima, que engloba os diferentes povos, que formaram-na: o indígena, o africano e o europeu _ a nossa herança cultural. E é Folclore, porque resistiu no tempo e foi passando de geração em geração.
O nosso Folclore tem personagens mágicos. E essa magia aparece em Parintins, lindamente.
Parabéns, Garantido! Parabéns,Caprichosos! Parabéns, Amazonenses! Parabéns aos bois-bumbás!
Parabéns ao povo brasileiro, tão criativo, tão raiz!
E fica a pergunta : por que não , uma maior e melhor divulgação?
Brasil tão diversificado ... tão lindo!
Lindo povo, tão criativo ...
Povo, que ainda não tem sua total dignidade adqüirida, seus direitos, suas garantias ...
Vemos um povo em festa, feliz ... por um tempo.
Bumbódromo cheio de alegria !!! Êta povo,corajoso !!!!


ALERTA: ESTÃO DE OLHO NA NOSSA AMAZÔNIA, e não é pra ver festa, não!!!

Tata Junq

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Aniversário especial.



Hoje é uma data especial: aniversário de um grande amigo. Isto me faz lembrar das festas de nossa rua, hoje tão sossegada e que já foi palco de tantas reuniões ... jovens, literais e os d'alma. Ahhhh...bons tempos! Lindas festas! Lindas reuniões!
A rua, hoje, não abriga as crianças e os jovens de outrora. A maioria tomou seu rumo, formou família e, mudou de endereço. Os pais, estão por aqui. Adelmo, resistente a dois enfartos, está aqui, firme, fortalecido... e sempre junto a nós. Já repartimos sucessos, insucessos, alegrias, tristezas ... dias fáceis, outros difíceis ... Ele é um "cara" especial, tem um espírito empreendedor, revolucionário ... e, é um saudosista _hoje sem sua Harley, mas com seu triciclo, incopiável, sugestivo ... Ahhhh!!!! Quantos passeios nos carros antigos !!! E quantos "causos" teríamos pra contar ... cenários, os mais diversos: Caraguá, S. Paulo, Minas, Paraná, S. Catarina, Termas ... quantas andanças reunindo nossas famílias ...
Hoje, continua com seu charme e sorrisos especiais e motivações para cuidar de sua saúde, de sua vida ... e isso é muito bom ... Registra-se , seu aniversário. Hoje é dia de um grande e caloroso abraço, mesmo sem fogueira, de Festa Junina.
Neste dia, sempre passa um "filme" na cabeça ... de alegres e divertidas lenbranças. Mas a presentividade é generosa : está por aqui, cuidando-se e dividindo o seu tempo e espaço.
Parabéns por sua vida! Muitas alegrias!
Cabe aqui um pensamento que "achei" nestas "andanças" pela Net: " Grande parte da vitalidade numa amizade, é respeitar as diferenças, e não apenas gozar as semelhanças", autor desconhecido.
Cabe aqui alegrias, na tentativa de fazer uma homenagem singela, a este amigo.
Adelmo, amigo _seja eternamente feliz!
Sou porta-voz de toda minha família.
Deus te abençoe!
Feliz aniversário!

Tata Junq

domingo, 22 de junho de 2008

Resgate





Tempo frio, desconcertante ... que sugere café bem quentinho.

Remete-me à minha cidade natal, Lins ... e à casa de minha avó.

Calor local e humano.

Bom resgatar aquela casa simplória, aconchegante. Bom visualizar aquelas árvores frutíferas, e sentir o gosto das frutas -do-conde e jabuticabas ... e principalmente, buscar a figura meiga, serena de minha avó Helena.

Agradeço toda herança genética, de meus antepassados.

Agradeço os valores adqüiridos.

Agradeço o seu amor, minha querida avó.

Vou visitar, ainda , sua terra natal e tentar entender sua cultura , espanhola.

Seu nome é belo, seu significado é luz, tocha ...

Obrigada pela luz no meu caminho, sempre. Obrigada pelo café "de pilão" ou de moenda, quentinho que outrora tomei.

Agora, resta-me o cafezinho de casa, sabor recordação!!!

Tata Junq

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Ser capaz ...


" Nosso cérebro é o melhor brinquedo já criado: nele se encontram todos os segredos, inclusive o da felicidade."



O genial, Chaplin. Displicente ou não, deixando seus valores ...
E, nós, sobreviventes ainda , paramos diante dos dizeres ... e impossível discordar. Onde reside os segredos, fato.
Somos felizes, fato. Quando queremos ou quando podemos? Podemos querer? Queremos poder? Fatos.
Fato é que ser feliz, é ser feliz e pronto. Costumo dizer que temos o dever de gerar e sentir felicidade.
Ah ...e se a tarefa não fôr fácil ...persistência é preciso, acreditar é preciso e ... o Universo conspirará a seu favor.
Creio que posso, então sou feliz.
Sou feliz por poder ser feliz, com otimismo.
Feliz é aquele que não guarda rancores, amarguras, não alimenta agrurias.
Como sou amor, sem medos ou rancores ... sou feliz, concluo.
Isto não exclue algumas tristezas, que ora ou outra me rodeiam ... só não podem se alojar "na caixa de segredos" ... e isto também é questão do querer e poder.
Não tenho tido motivos tristes ... estou aposentada, tenho uma família normal, com seus altos e baixos, que me ama e respeita. Mas como tenho um espírito " irriquieto", busco motivos para mais e mais realizações ...esperando positividade.
Então, bem me lembro da letra , cantada por Almir Sater : "Penso que cumprir a vida seja ... cada um de nós compõe sua história ... cada ser carrega em si, o dom de ser capaz... de ser feliz ... É preciso amor pra poder pulsar ... é preciso paz para poder sorrir..."
Hoje, sorrio em paz. A vida me sorri também. Sou capaz ... de ser feliz!


Tata Junq

quarta-feira, 4 de junho de 2008

CSS



Nova CPMF !!!
Fundo para a área da saúde ? Que saúde????
Hahahahh ...
Sem graça!
Sem vergonha!
Sem ... opinião? Jamais.
Sem contentamentos, no entanto.
Medicina popular? Direito a ...
Estou cansada de tudo isso, enojada de tudo isso...
Jamais farei parte do chavão : "povo sem memória"!!!


Tata Junq 

domingo, 25 de maio de 2008

Bibi, a gatinha espivetada!!!



Bibi, é esse seu nome. Chegou aqui em casa pra revolucionar. É radical !!!! Surfa nos móveis,derruba tudo onde passa, entra nos espaços que você nem calcula que pode ou dá. Mia ainda fraco, mas certamente terá o poder e sonoramente fará estragos ...
Teima em dormir na minha cama e ... já aprendeu o caminho da minha janela ... tô perdida!!!
Entretanto, é carinhosa , ronroneando minhas pernas ... e quer sempre brincar de esconde e ataca ... lógico, meus pés.
Bibi morava num apê, e quer gozar de sua liberdade de espaço ... e naturalmente, é folgada.
Ela veio pra sacudir meu sossego.
Mas tem uma carinha tão lindinha!!!
Sua passagem é temporária ... não é definitiva.
Definitivo ... nada é na vida. Esta, é a reflexão do dia.
BIbi é uma vida em minha vida, hoje.


Tata Junq

terça-feira, 20 de maio de 2008

Esperança. Momentos Reflexivos.



Nossa! Hoje, vi na página de uma ex-aluna, um recadinho pelo seu aniversário ... e pareceu-me conhecer aquele sorriso, Thiago, seu nome.
Deu-me uma alegria anciosa, porque não tenho real certeza de ser ele, Thiaguinho, o meu aluninho, tão especial. Perdi contato ... o último, foi uma carta. Lembro-me bem , que entregou-me um troféu de formatura, foi encarregado pra isso ...e sempre ao ver esse mimo, vem à tona, sua doce lembrança.
Minha mente me impede do registro do seu sobrenome, e já me esforcei para isso. Que pena, queria ter a real certeza e poder deixar um recadinho pra que ele me coloque em contato, partilhando novamente sua vida.
Algo me diz que é ele.
Todos os alunos são especiais, sempre. A cada resgate, um novo encontro, é uma alegria incomensurável. Sempre há um real motivo, para lembranças.
São histórias de vidas ... eu os vi crescer intelectualmente e também acompanhei a evolução física, até certo ponto.
Tenho saudade do meu trabalho, e dos "meus filhotes"!!!
Fico hoje no saudosismo e na esperança de mais um reencontro, mesmo que virtual. E ao tocar Adriana Calcanhoto, não só lembranças, espero por um "novo rosto", e que ele se molde ao novo tempo, mantendo o seu sorriso feliz.
Estou feliz por antecipação!!! Espero, que eu esteja certa, e que ... o Thiaguinho, ressurja, moço, inteligente, sensível, crítico, lutador e ... que tenha um novo amor ... tão intenso e puro, como o do passado.
Aguardo respostas ...

Tata Junq

sábado, 17 de maio de 2008

A estrada. Momentos Reflexivos.




As vias, rodovias ... hoje tão perigosas, ainda. Quero me lembrar do caminho de Paraibuna. Que lindas paisagens! Emolduradas ainda em lembranças... quantos cansaços absorvidos ali, através do olhar.
Quero lembrar do caminho belo, que conheci com meu pai. Atravessávamos um rio, de águas cristalinas e chegávamos à uma praia deserta... Maravilhas! Maravilhas proporcionadas!
Mas o principal caminho, foi quando na encruzilhada da vida, busquei a ti, meu pai ... e te resgatei em tempo certo, no limite certo. Foi um tempo de resgate de dívidas e acertos, de emoções e amor trocado.
Feliz caminho, feliz dia, feliz estrada !
Beijo, pai ! Hoje espreito uma possível nova estrada, que me leve até você.


Tata Junq

MOMENTOS: Meu registro fotográfico & Pensamentar.


(Uma das ...rssssss)


AGORA

Saudade
Somente
Saudade
Somente
Saudade
Somente
Saudade

So..................mente.........................só.

Tata Junq

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Pensamentando.


Bloggestar
Registrar
Marcar
Testemunhar
Resmungar
Cismar
...
tudo pode
e ...
Amar?
...
Responder
Reconhecer
Transparecer
...
menos, sofrer.

Tata Junq

Hora de juntar ... lembranças.Momentos Reflexivos.



Remeto-me a um tempo ... o que eu quiser? Por acaso do acaso, lembrei-me de uns amigos de infância, da rua da minha infância, do sobrado, da janela do sobrado, que já era antigo. Da janela, da jardineira cheia de espinheiro -de- Cristo ... das florezinhas vermelhas formadas ... e do leite pegajoso que ficava no caule, quando alguma delas se desprendia ... e das conversas "de comadre" ... e do vai-e-vem que observávamos ... saudade?
Tanta coisa pra recordar ... tantas e tantas , mesmo.
Saudade da presença da minha mãe ...isso a qualquer momento que eu me reportar ...
Lembrança do meu primeiro amor ...dos acenos ... das músicas do Ray Connif tocadas nas noites de junho, as das Festas Juninas, no grande terreno da rua General Sócrates. Que tempo foi aquele ? Tão distante e diferente? Os valores, conceitos, atitudes... tão veladas, tímidas . Adolescência, doce e romântica ... amor platônico ... Antônio, seu nome.
O sentimento, agora, não é de saudade ... é constatação de um fato: amei, somente.
Acredito em amores, já os tive.
Direito a ele ou a eles todo mundo tem.
Marcante? Marcantes? Com toda certeza serão. Duradouros? Plagiando, Vinícius," eternos enquanto duram ."
Um tempo atrás ...


Tata  Junq